A fundamentação do Corpo Explica vem do início do século 20, no auge da escola de psicanálise de Viena e do pai da psicanálise — Sigmund Freud. Antes de Freud, o olhar da medicina para o corpo era exclusivamente biológico, físico, estrutural, e a grande revolução dele, a essência do seu legado, foi alertar a medicina para existência de uma mente dentro daquele corpo. Ainda nessa mesma época surgiu uma figura pouco conhecida no universo do desenvolvimento humano, mas que na visão do O Corpo Explica deu um passo tão grande quanto o de Freud.

Wilhelm Reich foi um médico, psicanalista e cientista natural, que na época era seu colaborador e, mais ou menos em 1921, passou a atender pacientes que Freud encaminhava para ele.

Em 1922, Reich e Freud, criaram o seminário de técnica psicanalítica de Viena com o objetivo de aperfeiçoar a abordagem psicanalítica. Foi nessa época que Reich começou a análise do caráter.

Para resumir, Reich abriu um mundo novo para as descobertas da mente: se Freud foi a pessoa que chegou para a medicina e disse “Espera aí! Tem uma mente aí dentro desse corpo.”, Reich foi quem complementou “Não, não tem uma mente dentro do corpo. A mente e o corpo são uma coisa só.”.

Enquanto Freud passou a abordar a vida com um olhar para tentar entender a mente, Reich passou a olhar a vida considerando a mente e o corpo como uma coisa só.

Ele atendia observando não apenas o que as pessoas falavam, mas também as reações, as expressões e o formato do corpo delas.

Reich percebeu que o comportamento e as reações das pessoas com corpos parecidos era bem semelhante.

A partir daí, mergulhou na análise e no estudo do corpo e da mente como uma coisa só.

Médico, psicanalista e cientista natural, Reich desvendou conhecimentos que deram base para o surgimento das técnicas de bioenergética desenvolvidas por Alexander Lowen.

O Corpo Explica utiliza uma combinação de vários conhecimentos científicos, com uma grande parcela de reconhecimento para as descobertas de Reich.

Como Funciona o Corpo Explica?

É importante falarmos sobre os movimentos bloqueados antes de você entender como a mente e o corpo são formados.

Eles acontecem enquanto o sistema nervoso se desenvolve, durante o processo de mielinização de nossa medula espinhal (falaremos mais sobre a mielinização daqui a pouco).

Quando alguém não consegue fazer algo, está vivendo um movimento bloqueado.

Quando uma pessoa se depara com um obstáculo na vida, o sistema nervoso dela se manifesta com a configuração básica que ele tem.

É assim com todo mundo.

Para sair do ponto “a” e chegar ao ponto “b”, você precisa vencer obstáculos que ainda não conseguiu superar.

Nós temos cinco sensações básicas:

  1. Rejeição

  2. Abandono

  3. Manipulação

  4. Humilhação

  5. Traição

A maneira como cada um percebe uma situação varia de acordo com a configuração básica do seu sistema nervoso.

Quando alguém não consegue fazer o que precisa ser feito, ou não consegue parar de fazer aquilo que o está prejudicando, é por medo de uma das cinco sensações básicas.

E o corpo de cada pessoa é o reflexo visível da sua mente.

O Que é Mielinização

Imagine a sua medula como um fio elétrico.

O fio tem a parte de cobre que conduz eletricidade e a capa de plástico — que protege a parte de cobre — para que a eletricidade e a energia não se dissipem.

É exatamente assim que a nossa medula funciona.

Dentro da medula ficam os neurônios, que seriam a parte de cobre do fio elétrico, e por fora existe a capa de mielina, que seria a capa de plástico do fio.

Só que ela não se desenvolve por dentro e por fora ao mesmo tempo.

Quando nascemos, a nossa medula já está com a estrutura interna pronta, com os nossos neurônios todos prontos, mas esse fio ainda não está encapado.

Ele começa a se encapar, a se mielinizar, no útero e só termina quando nós temos mais ou menos cinco anos de idade. Esse processo de cinco etapas começa no cérebro e, à medida em que vamos crescendo, vai descendo pela medula até chegar ao final.

Acompanhando esse processo de mielinização, os nossos caráteres são formados, dando, tanto para a nossa mente quando para o nosso corpo, um determinado formato.

Os Cinco Caráteres da Mente

Um alerta: vamos manter a nomenclatura fiel à literatura científica, então, não se assuste com os nomes.

Não estamos falando de nenhum distúrbio e nenhuma patologia.

Esta explicação básica da formação dos cinco traços de caráteres tem nomes que você pode estar acostumado a ver associados a algum tipo de transtorno ou patologia.

 

 

Essa técnica auxilia na compreensão de si mesmo e na tomada de decisões a partir do conhecimento de seus traços de caráter, dores e recursos. 

DURANTE A ANÁLISE VOCÊ VAI DESCOBRIR

01

QUAL É A SUA COMBINAÇÃO DE TRAÇOS

02
O QUE ESSA COMBINAÇÃO EXPLICA SOBRE O FUNCIONAMENTO DA SUA MENTE

03

QUAL O MELHOR CAMINHO PARA RESOLVER A SUA "PERGUNTA DO GÊNIO"

DURANTE A ANÁLISE VOCÊ VAI DESCOBRIR

01

QUAL É A SUA COMBINAÇÃO DE TRAÇOS

02
O QUE ESSA COMBINAÇÃO EXPLICA SOBRE O FUNCIONAMENTO DA SUA MENTE

03

QUAL O MELHOR CAMINHO PARA RESOLVER A SUA "PERGUNTA DO GÊNIO"

DURANTE A ANÁLISE VOCÊ VAI DESCOBRIR

Título Pequeno

© 2017 I Vestindo Corpo & Alma I Todos os direitos reservados.